sexta-feira, agosto 08, 2008


NOTÍCIAS DO MOMENTO

Trânsito mata de 30% a 40% menos com a Lei Seca

 

 Rio de Janeiro - Dados preliminares do Ministério da Justiça indicam que o número de acidentes e de mortes causadas pelo trânsito caiu entre 30% e 40%, desde o início da Lei Seca, em meados de junho. A informação foi dada hoje (8), no Rio, pelo ministro da Justiça, Tarso Genro, que participou de uma solenidade de apoio à nova lei no Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro.

 

Na avaliação do ministro Tarso Genro, a nova lei "chegou para ficar" e a sociedade brasileira está vivendo um momento "extremamente virtuoso na criação de uma nova sociedade".

 

"A preocupação com o outro, a solidariedade, a compreensão de que a vida em sociedade exige regras democráticas e respeitosas pela vida humana. Esta lei veio em um momento oportuno. Há umas que não pegam, essa não só correspondeu ao anseio já latente na sociedade, como também está mudando o comportamento das pessoas", avaliou o ministro.

 

Tarso Genro garantiu que a fiscalização nas estradas federais do país vai continuar a ser feita e até intensificada pela Polícia Rodoviária Federal.

 

Temporão abre campanha contra rubéola amanhã em Niterói

 

 Rio de Janeiro - O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, abre amanhã (9) em Jurujuba, no município fluminense de Niterói, a Campanha Nacional de Vacinação para Eliminação da Rubéola. A mobilização vai até 12 de setembro. De acordo com o Ministério da Saúde, 70 milhões de pessoas deverão ser imunizadas na  campanha, que será feita em parceria com 204 instituições dos setores público, privado e não-governamental

 

No ano passado, os homens representaram 70% dos casos de rubéola registrados no país. Na campanha deste ano, serão duas frentes: a primeira, com a aplicação da vacina dupla viral (sarampo e rubéola) em homens e mulheres com idade entre 20 e 39 anos de todo o país. A segunda, com a aplicação da vacina tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) em pessoas entre 12 e 19 anos nos estados do Maranhão, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Minas Gerais e Mato Grosso. Toda a população indígena que vive em aldeias também deverá receber a vacina.

 

Apenas no Rio de Janeiro, estima-se que serão vacinadas 7 milhões de pessoas, Durante as cinco semanas da campanha, estarão disponíveis 8 milhões de doses de vacina nos 92 municípios fluminenses. E mais de dez mil pessoas estarão envolvidas na vacinação, que será feita sempre das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira.

 

SAÚDE

 

Farmácias podem ser multadas em até R$ 1,5 milhão por venda de Prexige

 

 

 

A Diretoria de Vigilância Sanitária da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab) recebeu da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a informação de que continua proibida a fabricação, distribuição, comercialização e uso do medicamento antiinflamatório Prexige (Lumiracoxibe).

 

As farmácias e drogarias que comercializarem o produto estarão sujeitas à notificação, interdição do estabelecimento e até multa, que pode variar entre R$ 2 mil e R$ 1,5 milhão. A aplicação das sanções, previstas na lei 6437/77, é de competência das vigilâncias sanitárias municipais e estaduais. Denúncias sobre a venda dos medicamentos devem ser encaminhadas para as vigilâncias sanitárias locais.

 

Incertezas a respeito da segurança hepática do medicamento motivaram a decisão, que acompanha as orientações dos principais cenários regulatórios internacionais. Os consumidores que utilizam o medicamento devem procurar orientação médica para proceder à substituição do produto sem interromper o tratamento. Somente o médico pode prescrever alternativas terapêuticas para substituição do Prexige.

 

A substância Lumiracoxibe, princípio ativo do Prexige, tem indicações aprovadas no Brasil para tratamento de osteoartrite, um tipo de artrite de dor aguda, e de dismenorréia (cólica menstrual) primária. Era comercializado nas apresentações de 100mg (embalagens com 20 comprimidos) e 400mg (embalagens com 4 e 7 comprimidos).

 

 No dia 28 de julho, o Diário Oficial da União publicou três normas relacionadas ao medicamento. As resoluções RE 2.608/08 e RE 2.592/08 determinaram o cancelamento do registro da apresentação de 100mg e o recolhimento do antiinflamatório em todo o território nacional. Já a Resolução RE 2.609/08 suspendeu por 90 dias a fabricação, distribuição, comércio e uso da apresentação de 400mg do Prexige.

 

O cancelamento de um produto tem caráter definitivo e, por isso,  o laboratório deve providenciar o recolhimento do mercado. Já a suspensão tem como objetivo aprofundar a análise relativa ao risco/benefício do medicamento. Após esse estudo, a autoridade sanitária poderá manter o produto no mercado ou retirá-lo definitivamente por meio do cancelamento de seu registro.

 

 

 

 

XVII Semana de Amamentação movimenta o Shopping Lapa

 

  

Grávida do primeiro filho, Calila Couto teve uma boa oportunidade para tirar dúvidas sobre a amamentação do bebê, durante a Feira de Saúde realizada no Shopping Lapa, dentro da programação da XVII Semana Mundial de Aleitamento Materno, iniciativa conjunta da Secretaria da Saúde do Estado, através da área técnica de Saúde da Criança, e Secretaria de Saúde do Município de Salvador. Aos nove meses de gravidez, Calila Couto quis saber durante quanto tempo o bebê precisa ser amamentado e foi orientada pelos profissionais de saúde para a prática do aleitamento materno exclusivo até os seis meses de vida.

 

 

Bahia está pronta para o combate à rubéola e à poliomielite

 

  

Surdez, glaucoma e catarata. Este é o quadro de um bebê cuja mãe foi acometida de rubéola durante a gravidez. O caso de Síndrome da Rubéola Congênita (CRC), ocorrido no município de Dias D´Ávila, foi confirmado ontem (6) e é o único registrado na Bahia, este ano, dos 5 suspeitos. No Brasil, de 77 casos suspeitos, 22 foram confirmados. Os dados foram transmitidos hoje (7), em entrevista coletiva na Sesab - Secretaria da Saúde do Estado da Bahia - conduzida pelo secretário Jorge Solla, como forma de mobilizar a população para a Campanha Nacional de Vacinação  contra a Rubéola e a Poliomielite. A campanha nacional começa dia 9, sábado, mas a vacinação prossegue até 16 de agosto (pólio) e 12 de setembro (rubéola). 

 

GERAL

 

Licitação para serviços

A empresa Fox do Brasil foi homologada como vencedora do processo licitatório para prestar serviços de limpeza, conservação, higienização e suporte operacional nas diversas unidades da Secretaria Municipal da Saúde (SMS). A Fox, que já está em atividade, apresentou o melhor preço e atendeu às exigências do edital, com base nas leis das licitações. Trinta e três empresas participaram desta concorrência. Outros processos de licitação estão em julgamento pela Comissão Permanente de Licitação - Compel – da Secretaria Municipal de Administração (Sead), como a de contratação de empresa especializada para a prestação de serviços de apoio e suporte às atividades técnicas na área de informática.

 

 

Licitações para Saúde

A empresa interessada em participar dos próximos pregões deverá procurar uma agência do Banco do Brasil e fazer um cadastro prévio, observando todas as exigências previstas no Edital, divulgadas no site do Banco do Brasil: www.licitações-e.com.br, contendo os editais de licitações da Sead.

 

 

Vigilância dos alimentos

Semanalmente, a Prefeitura de Salvador, através da Vigilância Sanitária, realiza blize no intuito de analisar produtos alimentícios comercializados em feiras livres, supermercados, bares e restaurantes da cidade. De acordo com o órgão, pelo menos 10 inspeções nesses locais são feitas toda semana, ou seja, no mínimo 40 por mês. Toda a parte física das lojas é verificada, assim como a maneira adequada de comercialização e manuseio dos produtos. Condições higiênicas, sanitárias, com funcionamento dos equipamentos de combate a incêndio, rede elétrica e hidráulica são inspecionados. Armazenagem adequada dos produtos, rotulagem e embalagens também são analisadas.   

 

Rótulo dos alimentos

De acordo com o órgão, todos os alimentos devem conter selo do Ministério da Saúde (MS) ou do Ministério da Agricultura (MA), setores responsáveis pela regularização. Os selos aprovam o seu consumo. A Prefeitura de Salvador, através da Vigilância Sanitária, inspeciona ainda as condições de saúde dos funcionários responsáveis pela manipulação dos alimentos e todos os demais colaboradores dos estabelecimentos. Os alimentos condenados são retirados das prateleiras e os estabelecimentos notificados caso haja reincidência. 

 

 

Soletra Aí

Todos os estudantes dos 3º e 5º anos do Ensino Fundamental das unidades escolares que compõem a Coordenadoria Regional de Educação (CRE) São Caetano podem participar do concurso Soletra Aí, que terá início no dia 19 de agosto com a realização da primeira etapa da competição. O objetivo é fomentar o estudo das regras ortográficas da língua portuguesa, estimulando a melhoria da qualidade do ensino da disciplina. Cada escola deverá promover o concurso interno de soletração e selecionar os seus representantes para a segunda etapa da competição. Os alunos interessados devem preencher a ficha de inscrição e entregar no período de 13 a 15 de agosto na CRE. A final do concurso será realizada na Igreja Batista São Caetano, no dia 19 de setembro. 

 

Conselho de Saúde

Será empossado amanhã (dia 8) o novo Conselho Local de Saúde da unidade de Rio Sena, Distrito Sanitário do Subúrbio Ferroviário. O evento acontece na Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, às 14 horas,  e vai contar com a presença de representantes da comunidade, do próprio Distrito Sanitário, do Conselho Municipal de Saúde e da Assessoria de Gestão Participativa da Secretaria Municipal da Saúde (AGEP). Sugestão de medidas de aperfeiçoamento da organização e funcionamento do Sistema Único de Saúde e análise de propostas, denúncias e emissão de respostas a consultas sobre assuntos pertinentes às ações e serviços de saúde da Unidade de Saúde são algumas das atribuições deste órgão.

      

 

Espaço Geográfico

A Secretaria Municipal da Educação e Cultura reuniu 200 professores de Geografia da rede para apresentação do projeto Espaço Geográfico. O objetivo do projeto é dar subsídios aos docentes para que sejam ainda mais efetivos no desenvolvimento dos alunos nas salas de aulas e na fixação do conteúdo programático. A proposta é facilitar o trabalho do educador, concedendo para ele ferramentas que aprimorem o ensino. Foi distribuído material didático  multidisciplinar, que aborda, além da Geografia, as matérias de história e ciências. 

 

Obras na Barra I

Os cuidados com o a saúde mental e física estão cada vez mais presentes no cotidiano do morador da capital. Basta perceber o fluxo de pessoas praticando cooper e caminhada, diariamente, em espaços como o Dique do Tororó, Jardim de Alah e na Barra, onde a prefeitura municipal está realizando obras de requalificação. Os resultados dessa ação, que inclui a substituição das pedras portuguesas por um pavimento mais adequado às praticas esportivas nos 2,5 mil metros da calçada entre o Porto da Barra e o Clube Espanhol, já estão sendo percebidos pela população e por profissionais da área de saúde. O instrutor de uma academia localizada no bairro, Luis Carlos dos Santos, 26, observa que além da melhoria estética da orla, favorecendo o setor turístico, a nova pavimentação plana, definida em acordo com moradores do bairro, contribui para a saúde dos praticantes de esporte no local uma vez que reduz a possibilidades de lesões físicas.

 

 

Obras na Barra II

As obras na orla da Barra foram iniciadas no último dia 16 de junho. Além da requalificação do passeio público também será realizada a reparação da balaustrada, obedecendo às determinações do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Ainda está incluída na reforma a colocação de rampas de acesso à praia para pessoas portadoras de necessidades especiais. A Secretaria Municipal de Serviços Públicos (Sesp) vai promover o Banho de Luz na avenida e substituirá os postes de concreto por outros de alumínio, semelhantes aos equipamentos já instalados nas avenidas Antonio Carlos Magalhães e Suburbana. Estão sendo investidos R$ 1,2 milhão dos cofres municipais.  

 

 

POLÍTICA

 

Sucom promove seminário para

 

vereadores e assessores

 

 

Todas as intervenções da Prefeitura Municipal e dos diversos órgãos públicos em Salvador devem ter amparo legal para que não surjam contratempos e prazos e objetivos possam ser cumpridos. Pensando assim, os dirigentes da Superintendência de Controle e Ordenamento do Uso do Solo do Município (Sucom) promovem um seminário para vereadores e seus respectivos assessores, nestas quarta-feira (13) e quinta-feira (dia 14), das 8h às 12 horas. O tema do seminário, que será realizado no auditório do anexo da Câmara, no edifício Bahia Center, é: "Para uma Cidade Legal: ordenamento, uso e ocupação do solo em Salvador".

 

Os interessados em participar do seminário devem inscrever no Setor de Treinamento da Câmara até hoje (segunda-feira) no final da tarde. Telefones para contato: 3321-8732 e 3320-0378.

 

 

Programação na Câmara marca os

 

210 Anos da Revolta dos Alfaiates

 

 

Uma extensa programação na Câmara, nesta terça-feira, 12, a partir das 10 horas, marcará no âmbito do Poder Legislativo Municipal as comemorações dos 210 Anos da Revolta dos Alfaiates. O evento cívico contará com a presença dos comandantes da 6ª Região Militar, do 2º Distrito Naval, da Base Aérea e da Polícia Militar da Bahia.

 

Numa integração cívico-militar, com a presença de populares, vereadores, servidores da Câmara, dirigentes estaduais e municipais e de instituições não-governamentais, constam da programação a formação de tropa, um desfile de agrupamentos especiais e homenagem da Câmara, com placa, às instituições militares que atuam em sintonia com os anseios da sociedade. Estudantes de escolas estaduais, municipais e particulares marcarão presença, reforçando a importância histórica da Revolta dos Alfaiates.

 

 

História

 

 

A revolta dos Alfaiates ou dos Búzios foi iniciada no dia 12 de agosto de 1798, sendo mais um dos movimentos abolicionista e de independência. Comparado à Inconfidência Mineira, a articulação na Bahia era mais arrojada, pois propunha a libertação das pessoas escravizadas, aspecto que Tiradentes não pensara. A revolta foi inspirada na Revolução Francesa, de 1792, nos ideais de fraternidade, liberdade e igualdade.

 

Também chamada de Inconfidência Baiana, a Revolta foi iniciada com a divulgação de panfletos elaborados por Luis Gonzaga das Virgens, um soldado do 2º Regimento, ligado à ala mais radical e popular do movimento, formada por negros livres. Faziam parte desse grupo o soldado Lucas Dantas de Amorim e os alfaiates João de Deus do Nascimento e Manuel Faustino de Santos Lira.

 

 

Aprovada indicação que sugere

 

Feira de Alimentos Orgânicos

 

 

 

Foi aprovada pela Câmara Municipal de Salvador, no final de julho,  a Indicação n° 70/08 de autoria do vereador Sidelvan Nóbrega (PRB), 1° secretário do Poder Legislativo Municipal, que solicita ao Poder Executivo a criação na capital baiana da Feira Livre Municipal de Produtos Orgânicos.

 

"A aprovação é mais do que justa, já que servirá para contribuir com o meio ambiente, além de permitir a geração de empregos diretos e indiretos", destaca Sidelvan. Ele acredita também que a criação da feira orgânica possibilitará a redução dos valores desses produtos, devido ao aumento da lei da oferta e da procura.

 

Sidelvan frisa que a indicação estabelece critérios para a implantação da feira, inclusive os produtos comercializados no local devem ter o selo de certificação para garantir a qualidade do produto.

 

A comercialização de alimentos orgânicos colabora com o meio ambiente, pois são cultivados com técnicas de manejos do solo e adubos naturais suspendendo o uso de adubos químicos e agrotóxicos durante o processo de plantação.

 

O consumo de alimentos orgânicos aumenta 30% a cada ano no Brasil, de acordo com dados do Instituto Biodinâmico, uma das mais de 20 instituições que certificam produtos orgânicos no país. Os valores desses alimentos chegam a ser 30% a 50% mais caro do que os produtos convencionais.

 

 

 Cristóvão quer instituir a Semana de Agricultura Ecológica

 

 

O vereador Cristóvão Ferreira Júnior (PDT) apresentou à Câmara um projeto de lei que institui a Semana de Agricultura Ecológica no Município de Salvador. A comemoração, anualmente, na quarta semana do mês de setembro. "Durante a semana de que trata esta Lei, o Poder Executivo Municipal terá a faculdade de empreender medidas ou eventos artísticos, culturais com caráter ambiental, visando a estimular e refletir da necessidade da agricultura ecológica", explica o vereador.

 

De acordo com o projeto, o Poder Executivo Municipal fica autorizado a estabelecer parcerias com iniciativas governamentais e não-governamentais, a fim de fortalecer a legalidade e celeridade das ações objetivas por esta Lei.

 

Cristovinho afirma que sua intenção é divulgar a produção da agricultura ecológica realizada por centenas de produtores familiares que privilegiam a produção limpa, sem agrotóxicos, e que valorizam a saúde dos consumidores soteropolitanos.

 

"Analisar a agricultura ecológica é ver o meio ambiente interagindo com o homem, interados e integrados em um processo de produção agrícola que respeita a ecologia e a vida. Toda a cadeia de produção agroecológica obriga a criação de um processo de reeducação ambiental dos agricultores convencionais, voltado à obtenção de uma vida saudável, com aproveitamento e transformação dos resíduos sólidos do processo produtivo", justifica Cristóvão Júnior.

 

Cristovinho afirma que a sua pretensão é fortalecer os produtores ecológicos, com a conquista de mercados potenciais localizados em nossa capital, enfim, tudo direcionado à preservação ambiental correlacionada pela produção de alimentos sem agrotóxicos.

 

 

Câmara Municipal homenageia coreógrafo gaúcho

 

 

O universo da dança na Bahia ganha um novo cidadão. Na quarta-feira, 6 de agosto, à noite, no Plenário Cosme de Farias, da Câmara Municipal, o coreógrafo Carlos Moraes recebeu o Título de Cidadão de Salvador. Autora da resolução aprovada por unanimidade pela Casa, vereadora Aladilce Souza, líder do PCdoB na Câmara, enfatizou que a iniciativa "oficializa o coração baiano do gaúcho Carlos Moraes, ou simplesmente Carlinhos para seus admiradores e pessoas mais próximas".

 

"A Bahia tornou-se sua terra de origem desde 1971, quando veio a Salvador dar aulas de dança, durante um mês e, para felicidade nossa, nunca mais foi embora", ressaltou.

 

Nascido em Caçapava do Sul (distante 260 km de Porto Alegre), Carlos Moraes iniciou os estudos de dança em 1957. Quatro anos mais tarde passaria a integrar o corpo do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, como um dos bailarinos de maior destaque.  Foi também coreógrafo da Rede Globo (1965) e da TV Tupi (1970).

 

Em 1971 começa sua trajetória no cenário baiano. Convidado inicialmente para dar aulas de dança, Carlos Moraes se apaixonou pela capital baiana e uniu duas de suas maiores paixões: o balé e o povo baiano, em diversas coreografias para a Escola de Dança da UFBA e para o Ballet do TCA.

 

Nesta trajetória de quase 37 anos, Carlos Moraes estabeleceu um marco decisivo para a dança no Estado. Participou ativamente da fundação do Ballet Teatro Castro Alves, tendo sido o primeiro maître-de-ballet da escola (em 1981), coreógrafo e diretor artístico do Teatro Castro Alves, de 1982 a 1987.

 

 

Arquivo vivo

 

 

Carlos Moraes é comparado pela vereadora a "um arquivo vivo da cultura baiana nos últimos 37 anos, com destaque na promoção social da dança no Estado". Além de proporcionar o acesso de populares ao TCA, durante as requintadas apresentações de balé, o coreógrafo foi, também, de suma importância na introdução de manifestações culturais da Bahia na dança clássica e na formação de dançarinos negros para o balé clássico, antes composto apenas por bailarinas oriundas de camadas privilegiadas da população.

 

 

Influência de várias gerações na arte da dança

 

 

O homenageado disse que iniciou seus estudos nas artes cênicas em Porto Alegre, nos anos 50. Depois, o jovem de Caçapava do Sul partiu para o Rio de Janeiro na intenção de aprimorar o trabalho artístico que já realizava. No Rio, conheceu Dalal Achcar, que dirigia a Escola de Balé Ebateca na capital baiana. Achcar precisava de alguém para dar aulas na academia de dança de Salvador e pediu que Moraes a ajudasse durante um mês. "Vim para Salvador e, depois de 30 dias, não quis mais deixar a cidade", afirma.

 

Modesto, Carlos Moraes acredita que a homenagem vai acontecer porque descobriram que ele é do Rio Grande do Sul. "Eu moro em Salvador há tanto tempo que as pessoas acreditam que eu sou daqui. Eu não sou, mas agora querem que eu seja", brinca. Emocionado, revelou que não elaborou discurso para o público. "Eu não preparei nada. Tudo que estou falando é o que vem à minha cabeça diz".

 

Para ele, o trabalho deve ser realizado com intensidade e com dedicação incondicional. "A gente tem que trabalhar procurando sempre dar o melhor de si, sem esperar resultados", diz. E foi sem esperar nada em troca que Carlos Moraes aceitou firmar parceira artística com Emília Biancardi, que trabalhava com o Viva Bahia, grupo de dança folclórica, na década de 70. "A gente trabalhou muito com o folclore. Ela é muito criativa. É difícil encontrar alguém que não tenha trabalhado com ela", conta.

 

Não demorou para que os elementos da capoeira e do candomblé fossem inseridos nos trabalhos realizados ao longo da carreira de Moraes, que influenciou várias gerações na arte da dança. "Essa homenagem me obriga a lembrar de muita coisa que eu fiz por aqui, a lembrar de muita gente". Ele, que acompanhou a carreira de muitos bailarinos baianos, não esconde a felicidade em contar que conheceu muitos deles ainda pequenos.

 

"Todas as senhoras das escolas de dança foram minhas alunas. Mônica Gordilho, Tânia Durand, Teresa Cintra. Lembro da Cristina Gonçalves pequena, em um desfile. Ela devia ter uns 12 anos", recorda com carinho.

 

 

O mundo da arte prestigiou o evento

 

 

A sessão solene foi presidida por Aladilce que, no período em que discursou, passou a presidência para o vereador Everaldo Augusto (PCdoB). Também formaram a mesa Lúcia Matos, diretora de Dança da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb); Lia Robato, do Conselho Estadual de Cultura; Maria Sophia Villas-Bôas Guimarães, representando o Fórum de Dança da Bahia; Dulce Aquino, diretora da Escola de Dança da UFBa; Gal Villas Boas, presidente da Associação de Dança da Bahia; Paulo Fonseca, diretor do Ballet do Teatro Castro Alves; Emília Biancardi, criador do primeiro Grupo folclórico Viva Bahia; Tânia Durand, representando os ex-alunos de Carlos Moraes.

 

O Coral da Câmara, regido pela maestrina Kátia Cucchi, fez uma apresentação, seguida do Balé Bahiano de Tênis, que mostrou a "Variação do Ballet de La Bayadere com coreografia de Petipar", interpretado por Ludmila Santos. Ludmila vai representar o Brasil no Concurso Internacional de Ballet da Royal Academy of Dance, no Canadá.

 

Emília Biancardi fez uma homenagem pessoal a Carlos Moraes, falando da sua importância para a arte baiana e brasileira. E a Escola de Dança da Funceb apresentou o espetáculo Saurê, com coreografia de Carlos Moraes, interpretado pelas alunas do curso preparatório de para direção, de Vera Passos.

 

 

EVENTO

 

Expo Construção Bahia 2008 apresenta sexta edição do Seminário Tecnológico da Construção Civil

 

 

 

 

O seminário conta com palestras e mini-cursos, expondo tecnologias e ferramentas inovadoras

 

 

 

A competitividade das empresas e a adoção de práticas que garantam a sustentabilidade econômica, social e ambiental dos empreendimentos são assuntos caros ao setor da construção civil. Atentos a estas demandas, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), o Serviço Brasileiro de Apoio a Pequenas e Médias empresas (SEBRAE) e o Sindicato da Indústria da Construção do Estado da Bahia (SINDUSCON) realizam, nos dias 20 e 21 de agosto, o VI Seminário Tecnológico da Construção Civil, no Centro de Convenções da Bahia. O evento acontece dentro da programação da Expo Construção Bahia 2008.

 

 

 

Na pauta do seminário, está o tema "Sustentabilidade na Construção Civil, Desafios e Oportunidades", apresentado sob a abordagem da engenheira civil Lilian Sarrouf, do Conselho Brasileiro de Construção Sustentável (CBCS).

 

CULTURA

 

Famosa expedição italiana chega a Salvador

 

 

 

Depois de uma seleção realizada na Itália, chega pela primeira vez ao Brasil a Donnavventura, expedição que já passou por diversas regiões do mundo, a exemplo da Austrália, Sudeste Asiático, Malásia e Sul do Continente Africano, e que reúne uma equipe formada por seis mulheres que viajam para conhecer e documentar os aspectos naturais e culturais de cada um dos países visitados.

 

 Para essa expedição, nada menos que 50 mil inscrições foram recebidas pela organização italiana, que fez 5 mil entrevistas e 1,2 mil testes, antes de selecionar as seis expedicionárias que formam a equipe oficial da Donnavventura 2008.

 

 No Brasil, a expedição começou em 30 de julho e chegou à Bahia por Ilhéus e passa por Salvador e Costa do Sauípe. Essa aventura terá a duração de 100 dias e percorrerá as Américas do Sul e Central, passando por mais oito países (Venezuela, Colômbia, Panamá, Jamaica, Costa Rica, Nicarágua, Honduras e El Salvador). O roteiro inclui exploração de florestas, travessias de rios e contatos com tribos indígenas.

 

 

Ensaio do Afoxé Filhos de Gandhy

 

 

 

Domingo, 10 de agosto, o mais famoso afoxé do Brasil realiza seu primeiro ensaio de 2008 rumo ao Carnaval de 2009, a partir de 10 horas, no Pelourinho.

 

 

 

A diretoria do afoxé espera o comparecimento dos associados e do público em geral, até porque o Filhos de Gandhy está completando 60 anos de existência.

 

 

 

O presidente Agnaldo Silva está confiante em que o tema do Carnaval será inspirado no pacifista Mahatma Gandhy, por tabela um reconhecimento ao afoxé que sempre desfila pregando a paz.

 

 

 

Neste domingo a diretoria do Gandhy vai lançar uma grande promoção para quem adquirir os primeiros carnês.

 

 

 

TEMPO

 

Chove forte em 9 Estados, alerta Defesa Civil

 

 

 

Brasília - A Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração Nacional, enviou alerta de chuva forte às defesas civis do Estado dos Estados do Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Paraná.

 

 

 

Nesta sexta-feira (08/08), áreas de instabilidade vindas do oceano formam nuvens carregadas que provocam pancadas de chuva no Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba e região Metropolitana do Recife e Agreste de Pernambuco. Alerta-se que, em alguns momentos, a chuva pode ser de forte intensidade, especialmente, no leste e norte do Rio Grande do Norte, do litoral ao Agreste paraibano e no centro-norte e leste do Ceará.

 

 

 

Hoje (08/08) e amanhã (09/08), a passagem de uma frente fria pelo litoral do Sudeste organiza áreas de instabilidade que provocam pancadas de chuva no centro-sul e na região Metropolitana do Rio de Janeiro e no sul de Minas Gerais. Nesta sexta-feira (08/08), áreas de instabilidade ganham força e provocam pancadas de chuva no oeste e centro-sul do Mato Grosso do Sul. Persiste o alerta de que, em alguns momentos, há risco de temporais isolados com chuva forte, descargas elétricas e rajadas de vento entre 50 e 60 km/hora.

 

 

 

No sábado (09/08), a passagem de uma frente fria pelo litoral do Sudeste mantém o tempo instável com pancadas de chuva em boa parte do Estado de São Paulo e no norte e leste do Paraná. Persiste o alerta de que, em alguns momentos, há risco de temporais isolados com chuva forte, descargas elétricas e rajadas de vento entre 50 e 60 km/h , especialmente, no centro-sul, leste e nordeste de São Paulo.

 

 

 

A Secretaria Nacional de Defesa Civil recomenda orientar a população para o risco de alagamentos e enchentes nas áreas ribeirinhas, deslizamento de encostas, morros e barreiras. Além disso, evitar lugares que ofereçam pouca ou nenhuma proteção contra raios e ventos fortes.

______________________________________________________________________